Ir para o conteúdo

Prefeitura de Lavínia-SP e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
MAPA
MAPA
Clique para Acessar
CIDADÃO
CIDADÃO
Clique para Acessar
EMPRESA
EMPRESA
Clique para Acessar
LGPD
LGPD
Clique para Acessar
SERVIDOR
SERVIDOR
Clique para Acessar
Prefeitura de Lavínia-SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social WhatsApp
Rede Social Instagram
Carta de Serviços
Atualizado em: 15/04/2024 às 17h43
Saúde
VIGILANCIA EPIDEMIOLÓGICA

TERMINOLOGIA - VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA

Conjunto de ações que proporciona o conhecimento, a detecção ou prevenção de qualquer
mudança nos fatores determinantes e condicionantes de saúde individual ou coletiva, com a
finalidade de recomendar e adotar as medidas de prevenção e controle das doenças ou
agravos.

Em consonância com os princípios do SUS, que prevê a
integralidade preventivo-assistencial das ações de saúde, e a conseqüente eliminação
da dicotomia tradicional entre essas duas áreas, que tanto dificultava as ações de
vigilância. Além disso, a descentralização das responsabilidades e funções do sistema
de saúde implicou no redirecionamento das atividades de vigilância epidemiológica
para o nível local.


São funções da vigilância epidemiológica:
• coleta de dados;
• processamento de dados coletados;
• análise e interpretação dos dados processados;
• recomendação das medidas de controle apropriadas;
• promoção das ações de controle indicadas;
• avaliação da eficácia e efetividade das medidas adotadas;
• divulgação de informações pertinentes.

A coleta de dados ocorre em todos os níveis de atuação do sistema de saúde. A
força e o valor da informação (o dado analisado) dependem da qualidade e fide-
dignidade com que o mesmo é gerado. Para isso, faz-se necessário que os
responsáveis pela sua geração estejam bem preparados para diagnosticar
corretamente o caso, como também para realizar uma boa investigação
epidemiológica, e fazer registros claros e objetivos destes e de outros dados de
interesse, para que possam refletir a realidade da forma mais fidedigna possível.


TIPOS DE DADOS
Os dados e informações que alimentam o Sistema de Vigilância Epidemiológica são
os seguintes:
• Dados demográficos, socioeconômicos e ambientais: permitem quantificar
a população e gerar informações sobre suas condições de vida: número de
habitantes e características de sua distribuição, condições de saneamento,
climáticas, ecológicas, habitacionais e culturais.
• Dados de morbidade: podem ser obtidos mediante a notificação de casos e
surtos, de produção de serviços ambulatoriais e hospitalares, de investigação
epidemiológica, de busca ativa de casos, de estudos amostrais e de inquéritos,
entre outras formas.
• Dados de mortalidade: são obtidos através das declarações de óbitos,
processadas pelo Sistema de Informações sobre Mortalidade. Mesmo
considerando o sub-registro, que é significativo em algumas regiões do país, e a
necessidade de um correto preenchimento das declarações, trata-se de um dado
que assume importância capital entre os indicadores de saúde. Esse sistema
está sendo descentralizado, objetivando o uso imediato dos dados pelo nível
local de saúde.
• Notificação de surtos e epidemias: a detecção precoce de surtos e epidemias ocorre quando o sistema de vigilância epidemiológica local está bem estruturado,
com acompanhamento constante da situação geral de saúde e da ocorrência de
casos de cada doença e agravo de notificação. Essa prática possibilita a
constatação de qualquer indício de elevação do número de casos de uma patologia,
ou a introdução de outras doenças não incidentes no local e, conseqüentemente,
o diagnóstico de uma situação epidêmica inicial, para a adoção imediata das
medidas de controle. Em geral, deve-se notificar esses fatos aos níveis supe-
riores do sistema, para que sejam alertadas as áreas vizinhas e/ou para solicitar
colaboração, quando necessário.


FONTES DE DADOS
• Notificação
Historicamente, a notificação compulsória de doenças tem sido a principal fonte da
vigilância epidemiológica. A lista nacional das doenças de notificação vigente está
restrita a alguns agravos e doenças de interesse sanitário para o País, e compõe o
Sistema de Doenças de Notificação Compulsória.

¨DOENÇAS DE INTERESSE PARA SAÚDE PÚBLICA E VIGILÂNCIA EPIDEMIOLOGICA

AIDS;ANTRÁZ;BOTULISMO;CÓLERA;CORONAVÍRUS; COQUELUCHE;DENGUE;DIFTERIA;DOENÇA DE CHAGAS;DOENÇA DE ADEM; ESQUITOSSOMOSE;FEBRE AMARELA;FEBRE MACULOSA;FEBRE PURPURA;FEBRE TIFÓIDE;HANSEÍASE;HANTAVIROSE;HEPATITES VIRAIS;



MAIORES INFORMAÇÕES:

DIRETORIA GERAL DE VIGILANCIA SANITARISTA: TAINÁ T. M. XAVIER DOS SANTOS
CHEFIA PARA CONTROLE DE VETORES: ROSELI TERAMUSSI

Avaliar Serviço
Baixar PDF
Baixar PDF
Serviço para:
CIDADÃO
Formas de Solicitação
Telefone Presencial

Presencial: UBS Arlindo Vidal Leme, travessa Hintz Brandão, nº 82 - centro
                  
Telefones: (18) 3698-1284 / 3698-1744


              
Custos
NÃO HÁ
Etapas do Serviço
VISITAÇÃO REALIZADA NAS REGIOES DE ATENDIMENTO DO MUNICÍPIO, PELOS AGENTES DE VETORES;
VISTORIA DE TERRENOS BALDIOS; DOMICÍLIOS; E OUTROS LOCAIS DE POSSÍVEL DESENVOLVIMENTO DE PEÇONHOS OU OUTRO QUE CAUSE RISCO A VIDA.
NOTIFICAÇÃO;
DEDETIZAÇÃO;
LIMPEZA;

*PARA CADA CASO APLICAM-SE AS MELHORES ESTRATÉGIAS DE COMBATE OU RESISTÊNCIA DO VETOR.
Requisitos
REGIÃO URBANA DE LAVÍNIA
Justificativa
PROMOVER O CONTROLE DE VETORES; MINIMIZAR OS RISCOS A VIDA DA COMUNIDADE, PRINCIPALMENTE OS MAIS VULNERÁVEIS.
Prazo para Atendimento
IMEDIATO PARA ALGUNS CASOS;
CALENDÁRIO DE CAMPANHAS;
AGENDAMENTO CONFORME PLANO DE TRABALHO DE CADA EQUIPE
Prioridades de Atendimento
INTERCORRENCIAS
Forma de Acompanhamento
POR VISITAÇÃO
ATENDIMENTO:
24H
Serviço relacionado a secretaria:
Departamento Municipal de Saúde
Departamento Municipal de Saúde
KELLY OGASAWARA LISBOA
ATENDIMENTO:
7h as 20h
TELEFONE:
18.3698-1284
ENDEREÇO:
Travessa Hintz Brandão, nº 82
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia