Ir para o conteúdo

Prefeitura de Lavínia-SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Youtube
Legislação
ARRASTE PARA VER MAIS
LEGISLAÇÃO
Atos relacionados
INTERAÇÃO
Anotação
Marcação
BUSCA
Expressão
EXPORTAÇÃO
Código QR
Baixar
Compartilhar
COLABORE
Reportar Erro
QRCode
Acesse na íntegra
COVID-19 Nº 2637, 10 DE AGOSTO DE 2020
Assunto(s): Covid19
Em vigor

DECRETO 2637, DE 10 DE AGOSTO DE 2.020.


"Dispõe sobre a retomada gradual e consciente da economia no Municipio de Lavinia SP, com ações e medidas estratégicas de enfrentamento à pandemia decorrente do Coronavirus, nos termos do que prevê o Decreto Estadual n.º 64.994, de 28 de maio de 2020, de acordo com a Fase 3 (amarela), do Plano São Paulo”


CLÓVIS IZÍDIO DE ALMEIDA, Prefeito de Lavinia SP, no uso das atribuições que lhe são conferidas por lei, e Considerando o Decreto Estadual n.º 64.994, de 28 de maio de 2020, que dispõe sobre a medida de quarentena de que trata o Decreto n.º 64.881, de 22 de março de 2020 e institui o Plano São Paulo;

Considerando o art. 7.º do Decreto Estadual n.º 64.994, de 28 de maio de 2020, que autoriza os municipios, cujas circunstâncias estruturais e epidemiológicas locais permitam a retomada gradual do atendimento presencial ao público de serviços e atividades não essenciais;

Considerando o balanço semanal do Plano São Paulo, apresentado na data de 07/08/2020, que classificou toda a região de Araçatuba na Fase 3 (amarela);

Considerando que as normas estaduais relacionadas à situação de calamidade pública reconhecida pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio do Decreto Estadual n.º 64.879, de 20 de março de 2020, e a quarentena declarada pelo Decreto Estadual n.º 64.881, de 22 de março de 2020, que foi estendida até 23 de agosto de 2020;


DECRETA

Art. 1.º Este Decreto dispõe sobre a retomada gradual e consciente da economia no Municipio de Lavinia com ações e medidas estratégicas de enfrentamento à pandemia decorrente do Coronavirus, nos de moldes de que trata o Decreto Estadual n.º 64,994, de 28 de maio de 2020.

Art. 2.º Os critérios e as atuais condições epidemiológicas e estruturais classificam a cidade de Lavínia na Fase 2 (amarela) do Plano São Paulo de retomada gradual do atendimento presencial ao público de serviços & atividades não essenciais.

Art. 3.º Fica permitida, a partir de 10 de agosto de 2020, a ampliação dos horários de funcionamentos para as seguintes atividades no Municipio de Lavinia:

Atividades com Atendimento Presencial


| - Comércio em geral:

a) horário de funcionamento reduzido a É [seis] horas, sendo: de segunda | a sexta-feira: das 10h às 16h e aos sábado: das 9h às 15h;

b) capacidade limitada a 40% (quarenta por cento) da quantidade máxima estabelecida pelo AVCB;

c) consumação no local somente ao ar livre ou em áreas arejadas;

d) adoção de protocolos geral e setorial específico (especificados nos decretos e atos editados anteriormente).


II — Serviços (escritório de advocacia, contabilidade, engenharia, arquitetura:

a) horário de funcionamento (reduzido a 6 (seis) horas diárias:

b) capacidade limitada a 40% (quarenta por cento) da quantidade máxima estabelecida pelo AVCB;

c) adoção de protocolos geral e setorial e específico (especificados nos decretos e atos editados anteriormente).


III- Consumo Local (bares, restaurantes e similares):

a) horário de funcionamento reduzido a 6 (seis) horas diárias:

b) somente ao ar livre ou áreas arejadas;

c) capacidade limitada a 40% [quarenta por cento) da quantidade máxima estabelecida pelo AVCB;

d) adoção de protocolos geral e setorial e especifico (especificados nos decreto e atos editados anteriormente),


IV — Salões de beleza e barbearias:

a) horário de funcionamento reduzido a 6 ( seis) horas diárias;

b) capacidade limitada a 40% [quarenta por cento) da quantidade máxima estabelecida pelo AVCB;

c) adoção de protocolos geral e setorial específico (especificados nos decretos & atos editados anteriormente);



V— Academias de esporte de todas as modalidades:

a) horário de funcionamento reduzido a 6 (seis) horas diárias;

b) capacidade limitada a 30% (trinta por cento] da quantidade máxima estabelecida pelo AVE;

c) agendamento prévio com hora marcada;

d) permissão apenas de aulas e práticas individuais;

e) aulas & práticas em grupo suspensas;

f)adoção dos protocolos peral e setorial específico (especificados nos decretos e atos editados anteriormente).



VI - Templos, igrejas e demais instituições religiosas:

a) recomenda-se que cerimônias, celebrações, missas é cultos sejam realizados no formato virtual.

b) quando presencial, deve estar limitado a 0% da capacidade de público (para salões com até 200 assentos) ou 20% da capacidade (para salões com mais de 200 assentos), respeitando-se distanciamento entre cada participante de pela menos 1,5 metros.

c) Obrigatório o cumprimento de todos os protocolos especifico (especificados nos decretos e atos editados anteriormente).

Art. 4.º Demais atividades que geram qualquer tipo de aglomeração estão vedadas.

Art. 5.º Permanecem em vigor as demais disposições a contidas nos decretos anteriormente editados para o enfrentamento da pandemia de COVID 19 em Lavínia naquilo que não contrariar o presente Decreto.

Art. 6º O cumprimento dos protocolos sanitários não dispensa eventuais orientações suplementares que venham a ser estabelecidas pelas autoridades sanitárias e outras já estabelecidas em atos municipais, estaduais e federais para o enfrentamento da Covid-19.

Art. 7º O presente Decreto tem caráter temporário e poderá ser imediatamente alterado ou revogado se verificado o crescimento do número de casos de contaminação pela Covid-19 ou a redução na capacidade de atendimento, de acordo com o monitoramento efetuado pela SERVIÇO DE Saúde do Município e normas do Governo do Estado de São Paulo.

Art. 8º A inobservância ao disposto neste Decreto sujeitará o infrator, pessoa juridica ou natural, naquilo que couber, à cassação do alvará de licença e funcionamento, bem como às responsabilidades administrativas, cíveis e criminais correspondentes,

Art. 9.º A fiscalização pelo cumprimento deste Decreto é concorrente pelos agentes fiscais de posturas, sanitários e tributários da Prefeitura Municipal de Lavínia, devendo, se for o caso, para as suas ações, ser solicitada força policial e também o auxílio de outros servidores municipais ou estaduais.

Art. 10. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 11 — Revogam-se as disposições em contrário,



Autor
Executivo
* Nota: O conteúdo disponibilizado é meramente informativo não substituindo o original publicado em Diário Oficial.
Atos relacionados por assunto
c
Ato Ementa Data
PORTARIA Nº 515, 02 DE SETEMBRO DE 2021 “DISPÕE SOBRE “SUSPENSÃO DA DISPENSA DE SERVIDORES MUNÍCIPAIS POR FAZEREM PARTE DAS MEDIDAS DE CONTROLE DO CORONAVÍRUS (COVID-19)”. 02/09/2021
PORTARIA Nº 514, 02 DE SETEMBRO DE 2021 DISPÕE SOBRE “DISPENSA DE SERVIDORES MUNÍCIPAIS POR FAZEREM PARTE DAS MEDIDAS DE CONTROLE DO CORONAVÍRUS (COVID-19)”. 02/09/2021
PORTARIA Nº 507, 01 DE SETEMBRO DE 2021 “DISPÕE SOBRE “SUSPENSÃO DA DISPENSA DE SERVIDORES MUNÍCIPAIS POR FAZEREM PARTE DAS MEDIDAS DE CONTROLE DO CORONAVÍRUS (COVID-19)”. 01/09/2021
DECRETO Nº 2796, 11 DE AGOSTO DE 2021 “DISPÕE SOBRE SUPLEMENTAÇÃO DE VERBA NO MONTANTE DE R$ 20.366,00 (VINTE MIL, TREZENTOS E SESSENTA E SEIS REAIS) POR SUPERÁVIT FINANCEIRO DO EXERCÍCIO ANTERIOR COVID-19 SAÚDE/EDUCAÇÃO FONTE/CONVENIO - FEDERAL.” 11/08/2021
PORTARIA Nº 464, 11 DE AGOSTO DE 2021 DISPÕE SOBRE “DISPENSA DE SERVIDORES MUNÍCIPAIS POR FAZEREM PARTE DAS MEDIDAS DE CONTROLE DO CORONAVÍRUS (COVID-19) 11/08/2021
Minha Anotação
×
COVID-19 Nº 2637, 10 DE AGOSTO DE 2020
Código QR
COVID-19 Nº 2637, 10 DE AGOSTO DE 2020
Reportar erro
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Seta
Versão do Sistema: 3.2.8 - 16/11/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia